Simples como se expressar.

Me faz um carinho
 
Me enche de amor
 
Venha com sua despretensão
 
Me ensina a crescer com louvor
 
 
Manda o mal para longe de mim
 
Abra uma porta, janela ou coisa assim
 
Mantenha minha sanidade
 
Dê-me cada vez mais capacidade
 
 
Não precisa falar muito
 
Basta ficar ao meu lado
 
Quando o Sr. pensa acontece
 
E o Sr. nunca pensou errado
 
 
Eu não sei o que faço com a Dona Morte
 
Eu saio do sério
 
Eu me entrego à sorte
 
 
Preciso de ajuda, preciso de palavras, de ausência de julgamento: estou completamente machucada.
 
Talvez seja hora de parar de consertar, é chegada a hora de parar de ajudar?
 
Foram-se anos de paciência e dedicação, métodos e experiências, não quero ter desperdiçado nada em vão.
 
 
Mata a Dona Morte
 
Evadiu-se minha paciência
 
Eu tenho pulso forte
 
Mas dispenso concorrência
Anúncios
Esse post foi publicado em Não categorizado. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s